Discursos socioculturais sobre o amor em Portugal: Um percurso geracional?

  • Ana Rita Dias
  • Carla Machado
  • Rui Abrunhosa Gonçalves
  • Celina Manita

Resumo

No presente estudo procuramos compreender a forma como os diferentes sujeitos conceptualizam e vivenciam o amor e as relações de intimidade. O estudo envolve 28 sujeitos, com os quais se conduziu uma entrevista individual sobre a história de amor da sua vida. Procedeu-se à contrastação do discurso dos jovens com o discurso dos adultos, de diferentes gerações, considerando também o estado civil e o sexo dos sujeitos. Identificam-se algumas especificidades, principalmente diferenças geracionais, que são discutidas sob o seu enquadramento histórico, social e político. Além das especificidades, identifica-se um discurso consensual sobre o amor, amplamente partilhado, bem como o retorno a concepções tradicionalistas e convencionais – com mais assimetrias e desigualdades relacionais, sobretudo, na população juvenil.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Como Citar
Dias, A. R., Machado, C., Gonçalves, R., & Manita, C. (1). Discursos socioculturais sobre o amor em Portugal: Um percurso geracional?. PSICOLOGIA, 28(1), 1-18. https://doi.org/10.17575/rpsicol.v28i1.618
Secção
Artigos

Artigos mais lidos pelo mesmo (s) autor (es)

1 2 > >>