Factores de risco: A multiplicidade das variáveis contextuais no desenvolvimento das crianças

  • Joana Cadima
  • Carla Peixoto
  • Teresa Leal
Palavras-chave: -

Resumo

O presente estudo pretende analisar os efeitos de múltiplos factores de risco do contexto familiar no desenvolvimento cognitivo e social de crianças em idade pré-escolar. Vários estudos têm demonstrado que as competências das crianças estão associadas a variáveis familiares permanecendo, no entanto, o debate sobre se as variáveis mais influentes correspondem a características particulares das famílias ou se o desenvolvimento das crianças depende, antes, da conjugação de diferentes factores. No âmbito do projecto Contextos e Transição foram avaliadas competências de literacia, numeracia e sociais de 95 crianças de 5 anos e recolhidas informações acerca de indicadores de risco nas respectivas famílias. As análises confirmaram que, à medida que aumenta o número de factores de risco, os resultados cognitivos das crianças tendem a ser mais baixos, o que apoia a visão de que o poder de cada factor depende da sua acumulação, sendo o desenvolvimento influenciado pelas inter-relações entre os factores considerados.

DOI: http://dx.doi.org/10.17575/rpsicol.v23i2.335

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

-
Como Citar
Cadima, J., Peixoto, C., & Leal, T. (1). Factores de risco: A multiplicidade das variáveis contextuais no desenvolvimento das crianças. PSICOLOGIA, 23(2), 175-192. https://doi.org/10.17575/rpsicol.v23i2.335
Secção
Número Temático

Artigos mais lidos pelo mesmo (s) autor (es)