Efeitos da recategorização e da descategorização na redução do enviesamento intergrupal: A perspectiva do desenvolvimento infantil

  • Margarida Rebelo
  • Catarina Matias
  • Maria Benedicta Monteiro
Palavras-chave: -

Resumo

Os estudos em epígrafe testam a eficácia da recategorização (Gaertner et al., 1989) e da descategorização (Brewer & Miller, 1984) na redução do enviesamento intergrupal, em crianças DE baixo e de elevado estatuto étnico. Ambos os estudos foram estruturados de acordo com o desenho experimental de 3 (condição) x 2 (estatuto étnico do grupo) x 2 (grupo-alvo). As medidas dependentes consideradas foram a avaliação social, a atribuição de recursos e a proximidade social. Os resultados obtidos no estudo 1 (grupos com estatuto étnico equivalente) mostraram que as crianças de elevado estatuto reduzem o favoritismo endogrupal através da recategorização. No estudo 2 (grupos com desigualdade de estatuto étnico) tanto a recategorização como a descategorização foram eficazes a reduzir o favoritismo endogrupal. De acordo com as hipóteses, a redução do enviesamento intergrupal, na recategorização, processou-se através do aumento da atracção pelos membros do exogrupo, enquanto que nas descategorização se operou a partir da diminuição da atracção pelos membros do exogrupo.

DOI: http://dx.doi.org/10.17575/rpsicol.v16i2.484

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

-
Como Citar
Rebelo, M., Matias, C., & Monteiro, M. B. (1). Efeitos da recategorização e da descategorização na redução do enviesamento intergrupal: A perspectiva do desenvolvimento infantil. PSICOLOGIA, 16(2), 351-386. https://doi.org/10.17575/rpsicol.v16i2.484
Secção
Número Temático

Artigos mais lidos pelo mesmo (s) autor (es)

1 2 > >>