Qualidade do ambiente em casa e desenvolvimento infantil: Um estudo com o Inventário "HOME"

  • Isabel Macedo Pinto Abreu-Lima
Palavras-chave: -

Resumo

A versão pre-escolar do Inventário HOME (Observação em casa para Avaliação do Meio Ambiente, Caldwell & Bradley, 1984) foi utilizada num grupo de crianças portuguesas em idade pre-escolar e suas famílias, que participaram na European Child Care and Education Study (ECCE). O estudo tinha dois objectivos e iniciou-se com o estudo das propriedades psicométricas do Inventário HOME. Foi estimada a validade do Inventário, tendo emergido uma estrutura fatorial conceptualmente idêntica à do questionário original, se bem que com um número mais reduzido de sub-escalas. A correlação entre os valores globais do Inventário HOME e outros indicadores da qualidade familiar variou de moderada a elevada. Os resultados da validação mostraram que o instrumento é relevante para a o contexto cultural português, e que constitui uma medida adequada da qualidade dos ambientes das famílias portuguesas. O segundo objectivo consistiu na análise do poder preditivo do valor global do HOME em relação aos resultados obtidos pelas crianças nos domínios cognitivo e adptativo, a par de outras variáveis ecologicamente relevantes do contexto das crianças e das características da criança. Os valores do HOME foram os únicos preditores significativos quando se tomaram em consideração os resultados no domínio cognitivo e constituiram o mais significativo preditor do comportamento adaptativo.

DOI: http://dx.doi.org/10.17575/rpsicol.v23i2.331

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

-
Como Citar
Abreu-Lima, I. (1). Qualidade do ambiente em casa e desenvolvimento infantil: Um estudo com o Inventário "HOME". PSICOLOGIA, 23(2), 115-128. https://doi.org/10.17575/rpsicol.v23i2.331
Secção
Número Temático