Utilização de serviços de saúde relacionados com a infecção VIH por parte de homens gays: Acesso a informação, prevenção e teste

  • Sónia Dias
  • Ana Gama
  • Ricardo Fuertes
  • Gabriela Cohen
  • Ricardo Rosa
  • Luís Mendão
Palavras-chave: -

Resumo

O estudo tem como objectivo descrever a utilização de serviços de saúde para informação, prevenção e teste do VIH por parte de homens gays em Portugal e identificar factores associados a ter efectuado o teste VIH em diferentes serviços. Para este estudo de abordagem participativa foi aplicado um inquérito por questionário a 1046 homens gays. Cerca de 27% dos participantes refere que recorreu ao CAD para obter informação sobre VIH/sida. Cerca de 83% recebeu gratuitamente preservativos no último ano. A maioria (88%) já efectuou o teste do VIH. Destes, 74% realizou­?o no SNS, 22.5% num serviço privado e 6.5% numa ONG, verificando­?se diferenças significativas quanto à idade, escolaridade, rendimento e nacionalidade. Os resultados indicam uma utilização dos serviços de saúde para informação, prevenção e teste do VIH pela maioria dos participantes. No entanto, é importante continuar a desenvolver esforços para promover a utilização dos serviços, em especial pelos grupos desta população que se encontram em maior vulnerabilidade, trabalhando em proximidade com as comunidades.

DOI: http://dx.doi.org/10.17575/rpsicol.v26i1.265

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

-
Como Citar
Dias, S., Gama, A., Fuertes, R., Cohen, G., Rosa, R., & Mendão, L. (1). Utilização de serviços de saúde relacionados com a infecção VIH por parte de homens gays: Acesso a informação, prevenção e teste. PSICOLOGIA, 26(1), 109-128. https://doi.org/10.17575/rpsicol.v26i1.265
Secção
Número Temático