Examinando a validade de construto da versão Portuguesa do Patient Health Questionnaire-9 entre estudantes universitários

  • Sara Monteiro Department of Education and Psychology, University of Aveiro, Aveiro, Portugal; 2Center for Health Technology and Services Research (CINTESIS), Department of Education and Psychology, University of Aveiro, Aveiro, Portugal
  • Ana Bártolo 1Department of Education and Psychology, University of Aveiro, Aveiro, Portugal; Center for Health Technology and Services Research (CINTESIS), Department of Education and Psychology, University of Aveiro, Aveiro, Portugal
  • Ana Torres 2Center for Health Technology and Services Research (CINTESIS), Department of Education and Psychology, University of Aveiro, Aveiro, Portugal; ESEnfCVPOA - School of Nursing Portuguese Red Cross Oliveira de Azeméis, Oliveira de Azeméis, Portugal
  • Anabela Pereira 1Department of Education and Psychology, University of Aveiro, Aveiro, Portugal; CIDTFF - Didactic Research Center and Technology in the Training of Trainers, Department of Education and Psychology, University of Aveiro, Aveiro, Portugal
  • Emília Albuquerque Portuguese Oncology Institute of Coimbra - Francisco Gentil, E.P.E, Coimbra, Portugal
Palavras-chave: depressão, PHQ-9, estudantes universitários, validação

Resumo

O presente estudo examina uma nova estrutura fatorial e a validade convergente da versão Portuguesa do Patient Health Questionaire-9 (PHQ-9) usando estudantes universitários. Esta medida é usada para avaliar sintomas depressivos em adultos. A amostra inclui 958 estudantes universitários. Os dados foram recolhidos através de uma pesquisa online conduzida no Instituto Politécnico de Coimbra. Os estudantes completaram o PHQ-9, a Escala de Ansiedade e Depressão Hospitalar (EADH) e subescalas do Inventário de Sintomas Psicopatológicos (BSI) como medidas convergentes. Os resultados apontaram para o bom ajuste de um modelo fatorial de segunda ordem com três fatores de primeira ordem (somático, cognitivo e afetivo). Foram encontradas fortes correlações positivas entre as pontuações do PHQ-9 e as subescalas de depressão.  O PHQ-9 mostra ser um instrumento válido para a aplicação no ensino superior. Estudos futuros devem (re)examinar a estrutura fatorial desta escala considerando as suas implicações para a interpretação clínica do instrumento.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2019-12-30
Como Citar
Monteiro, S., Bártolo, A., Torres, A., Pereira, A., & Albuquerque, E. (2019). Examinando a validade de construto da versão Portuguesa do Patient Health Questionnaire-9 entre estudantes universitários. PSICOLOGIA, 33(2), 1-8. https://doi.org/10.17575/rpsicol.v33i2.1421
Secção
Artigos